Maridos

Ideias Fantabulásticas:

Ontem à noite tive a infeliz excelente ideia de dizer ao senhor meu marido que hoje ia dar uma volta com a minha parceira aqui do estaminé, e ele muito sabichão disse-me:
F: Hum, lojas de roupa?
B: Achas?! (Cof, Cof..) Nós vamos só ver, como é óbvio!
F: Daqui a nada deixamos de ter cama no quarto para poderes ter um guarda-fatos para a roupa toda!
B: Se achas que a que tenho é suficiente e não me entendes porque é que não escolhes tu?
F: EU???
B: Sim, o que achas de na próxima semana me escolheres tu a roupa?
F: Ah ah ah! Duvido que queiras mesmo isso!
B: Claro que quero! Tenho algum medo mas quero.
F: Tens a certeza? Depois não reclames!
B: Humm, já sabes que vou reclamar sempre 🙂

E foi assim, foi assim que se desenrolou a conversa que levou à ideia mais idiota dos últimos tempos. Ficou estabelecido que no Domingo ele vai escolher a roupa para eu vestir todos os dias da próxima semana! ME-DO!!

Partes engraçadas desta ideia:

  1. Descobrir o que é que o meu marido acha que fica bem com o quê, logo ele que já me acordou às 6h da manhã para me perguntar se a camisola que tinha vestido ficava bem com aquelas calças (Eu respondi que sim e só descobri à noite que isto tinha acontecido porque ele chegou a casa e eu gozei porque estava piroso!! ahahah)
  2. Não ter de me preocupar com o que vou vestir, todas sabemos que demoramos uma eternidade – existem é ‘eternidades’ de tempos diferente.
  3. Esperança de que o homem perceba que afinal não é mesmo roupa suficiente (já agora nem sapatos) e me convide para ir sábado dar uma última volta pelos saldos (ahahah).
  • Medos,

    – Só um, ainda vir a ter que sair de casa assim:

P.S: Fábio, fofinho, se me estás a ler tem piedade de mim sim?! 😀 😀
P.S2: Claro que vou partilhar os conjuntos que ele fez por aqui e pelo nosso instagram e facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.